English version

Leitura recomendada

Nesta seção, apresentamos sugestões de artigos e livros relacionados com modelagem e análise financeira.

  • Capa do livroThe Craft of Strategy Formation: Translating Business Issues into Actionable Strategies

    Eric Wiebs, Marc Baaij, Bas Keibek, Pieter Witteveen

    Neste livro, os autores apresentam uma abordagem para formulação de estratégias. Eles descrevem um processo de quatro etapas: preparação, análise, tomada de decisão e implementação. É um livro sobre a condução de um projeto de formulação estratégica, e não um livro sobre frameworks estratégicos. Particularmente interessante é o capitulo 14, que trata da modelagem financeira como suporte para tomada de decisões estratégicas.

  • Capa do livroPrevisão 20/20: a construção de estratégias num mundo de incertezas

    Hugh Courtney

    Courtney apresenta uma metodologia de como os gestores podem tomar decisões em um ambiente de incerteza. Ele propõe classificar a incerteza em quatro tipos e sugere uma abordagem para cada caso.

  • Capa do livroThe Misbehavior of Markets: A Fractal View of Financial Turbulence

    Benoit Mandelbrot, Richard Hudson

    Aplicação da teoria dos fractais em finanças, escrito pelo criador dos fractais Benoit Mandelbrot. Este livro mostra as vulnerabilidades de muitas das bases da teoria financeira mainstream. Recomendado para todos que trabalham com finanças e gestão de risco.

    O livro também está disponível em português, no Submarino.

  • Capa do artigoThe Flaw of Averages

    Sam Savage, Harvard Business Review

    Neste artigo curto, o autor mostra como confiar em médias pode levar a decisões equivocadas. Oferece uma visão simples e intuitiva sobre a importância de métodos como Simulação de Monte Carlo para análises financeiras e tomada de decisão em geral. Certamente podemos utilizar médias em muitas ocasiões, mas é importante conhecer as situações onde existem armadilhas.

    Versão alternativa com conteúdo similar, em PDF.

  • Capa do artigoDiscussão: Value-at-Risk

    Devido à atual crise financeira, o tema de gestão do risco está em evidência. Os dois artigos a seguir lançam questões e críticas ao Value-at-Risk, um método quantitativo de mensuração de risco. Indicado principalmente para quem usa este método, para conhecer suas críticas, limitações e aplicabilidade.

    O primeiro é um debate sobre as vulnerabilidades da técnica de Value-at-Risk (VaR), realizado entre Philipe Jorion, especialista e defensor do VaR, e Nassim Taleb, autor do livro “O Cisne Negro” e crítico feroz de técnicas com o VaR. Particularmente interessante é a data da discussão, Abril de 1997, uma época de relativa calmaria nos mercados financeiros.

    Joe Nocera, do New York Times, também escreveu sobre a polêmica da técnica Value-at-Risk.

  • Capa do artigoSite: Damodaran On-line

    Aswath Damodaran

    Professor da Stern School of Business / New York University, Damodaran é autor de diversos livros sobre finanças e referência mundial no tema. Seu site contém diversos artigos sobre finanças, além de dados úteis para análises financeiras.

Trabalhe conosco